Série de palestras marca mês da mulher na AESO-Barros Melo


Institucional
março. 09, 2020

Evento Empodera acontece dias 10 e 11 de março

Tratar os assuntos que são de interesse das mulheres e fazem diferença em diversos contextos sociais é necessário e urgente. Por isso, as Faculdades Integradas Barros Melo (AESO) realizam mais um evento Empodera para discutir a respeito do Protagonismo feminino, Empoderamento e Representatividade. Este ano, as palestras acontecem dias 10 e 11 de março, pela manhã e à noite. A ideia é despertar a comunidade acadêmica, de maneira permanente, sobre situações de equidade entre homens e mulheres.  Os debates contemplam diversos campos do saber, como Direito, Design, Empreendedorismo, etc.

Confira a programação:

10/03 – TERÇA-FEIRA 

10/03 – TERÇA-FEIRA
9h30 – “iluminar" (Performance 10 min) – Iyádirê Zidanes e Milena Travassos

 9h45 – Juntas (Carol Virgulino) + Rebeca Domingos 

11/03 – QUARTA-FEIRA 

9h30 – “a minha fala dança" (Performance, 10 min) – Iyádirê Zidanes, Milena Travassos e convidadas

9h45 – Renata Albertim + Coletivo Mana a Mana (Rebeca Spencer e Isabella Cavalcanti) 

11h – Cine clube “Pussy Riot” 

20:20h – Palestra Karinny Oliveira

Saiba mais sobre as palestrantes:

Rebeca Spencer Hartmann é advogada e designer feminista, ativista pelos Direitos Humanos, especialista em Direito da Mulher, Direito de Família, além de atuar em Propriedade Intelectual, Branding e Gestão de Marca. Sócia do escritório Ebrahim, Hartmann & Cantanhede Advogadas Associadas, membra da Comissão da Mulher Advogada e da Comissão de Diversidade Sexual e de Gênero da OAB/PE, integrante e Cofundadora da Coletiva Jurídica Mana a Mana.

Rebeca Domingos é graduada em Direito pela AESO-Barros Melo. Atualmente, atua como Coordenadora Cível no Escritório de Advocacia Gil Rodrigues e Wanderley Advogados. Interessa-se por Direito Sociais com ênfase no Direito das Mulheres.

Isabella Cavalcanti é advogada, feminista, membra da Comissão da Mulher Advogada e da Comissão de Acompanhamento Legislativo da OAB-PE. Atua nas áreas de direito criminal e direito da mulher. Também é integrante e Cofundadora da Coletiva Mana a Mana. 

Carol Vergolino é jornalista, feminista e mãe. Realizadora do audiovisual, militante da cultura em Pernambuco. Já integrou o Conselho Estadual de Cultura e faz parte da diretoria da Associação Brasileira de Documentaristas (ABD). Membra da partida, do Mulheres do Audiovisual de Pernambuco e do coletivo "Agora É Com A Gente". Faz luta e política com afeto, se conectando a mais e mais pessoas, na construção de uma mandata coletiva dentro da ALEPE, com as Juntas Codeputadas.

 Karinny Oliveira é feminista, doutoranda em Educação – UFPE, pesquisadora do Grupo de Pesquisa: Educação, Inclusão Social e Direitos Humanos - UFPE/CNPq, coordenou por 3 anos o Centro de Referência da Mulher Maria Bonita e o Programa Maria da Penha vai à Escola/Prefeitura de Caruaru e é professora e pesquisadora voluntária do Instituto Maria da Penha.

empodera -

voltar