Estudantes do curso de Jornalismo apoiam ações do Coletivo Sargento Perifa


Jornalismo
julho. 21, 2021

Jovens da comunidade da Linha do Tiro participaram de oficinas para fortalecer a comunicação na periferia

O Coletivo Sargento Perifa foi criado, em maio de 2020, por moradores da comunidade Córrego do Sargento, situada no bairro da Linha do Tiro, Zona Norte do Recife. A ideia é um portal de notícias, com relatos reais, que dão visibilidade ao que acontece na comunidade, desfazendo o retrato manchado da periferia apresentado pela mídia tradicional. Em março de 2021, o curso de Jornalismo da UNIAESO se uniu ao objetivo, com um projeto de extensão que viabilizasse ações de comunicação em benefício do Coletivo. 
 
De março a junho, estudantes e seis professores do curso de Jornalismo da instituição promoveram iniciativas para fortalecer o jornalismo comunitário, desenvolvido pelo Coletivo Sargento Perifa. Juntos, eles realizaram oficinas e encontros para  habilitar os  jovens  da comunidade com técnicas de comunicação, além de produzir conteúdo  para o site do Coletivo e suas redes sociais, e um podcast para a comunidade.
 
Entre as oficinas oferecidas, estavam Produção de Reportagens, Produção de Conteúdo Multimeios para a Mobilização Social, Planejamento de Mídia para Redes Sociais, Produção de Podcast, Produção e Veiculação de lives.
 
Para Nataly Queiroz, "a extensão possibilita uma interação benéfica para a comunidade universitária e sociedade civil, unindo a teoria e a prática". "No caso do Coletivo Sargento Perifa, que já desenvolve um trabalho importante de Jornalismo Comunitário, a troca de conhecimentos foi muito rica. Todas as turmas do curso de jornalismo participaram diretamente das atividades previstas de fortalecimento dos conhecimentos técnicos dos voluntários, desenvolvimento de podcast, de conteúdo para o site da instituição, além de um plano de mídia para redes sociais", afirma a docente, coordenadora do curso de Jornalismo da UNIAESO.

“Essa parceria foi importantíssima para a capacitação dos 50 voluntários do Coletivo. Já estamos no processo de repassar o que aprendemos para cada projeto.  Ganhamos reforços com os voluntários descobrindo novos talentos e produzindo mais conteúdo em diferentes formatos. Foi maravilhoso”, diz Martihene Oliveira, jornalista e cofundadora do Perifa.

SOBRE O COLETIVO SARGENTO PERIFA
 
Além da frente inicial, de jornalismo comunitário, o Coletivo Sargento Perifa trabalha em outros campos de interesse comunitário, como recolhimento de doações de materiais de construção e reforma de casas da comunidade e áreas comuns, aulões de atividade física, alfabetização/direcionamento para educação de moradores, recolhimento de doação de cestas básicas e produtos de higiene pessoal, entre outros. Diretamente, são 18 jovens voluntários distribuídos na mobilização e organização das atividades. Todos trabalhando de forma voluntária.
 

Jornalismo - extensão - projeto -

voltar

Nós usamos cookies

Eles são usados para aprimorar a sua experiência. Ao fechar este banner ou continuar na página, você concorda com o uso de cookeis. Saber mais.
Aceitar