Egressa de Design Gráfico cria identidade de marca para o bairro do Poço da Panela


Design Gráfico
agosto. 02, 2021

Sofia Madureira explorou características dos espaços para o projeto

O interesse por arte e história da designer Sofia Madureira, de 20 anos, é antigo. E ela resolveu explorar o gosto e a aptidão no Projeto Integrador, que marca a conclusão do curso de Designer Gráfico da UNIAESO, com trabalho que criou uma identidade de marca para bairro do Poço da Panela, patrimônio histórico/cultural do Recife.
 
O Poço da Panela mora na memória afetiva da jovem, cuja família reside no bairro e onde brincou muitos carnavais. Então, a primeira ideia era expor e valorizar o local para um público maior. 
 
Sofia partiu da premissa “O Poço da Panela é um Poço de..:” – fazendo referência à expressão que dá ênfase a algum adjetivo e ao  sentido literal da palavra poço – para traçar as estratégias da local brand (marca de um lugar). 
 
 “Começando a construção do design da identidade, até chegar ao resultado final foram traçadas ideias a partir da pesquisa feita nas etapas anteriores”, afirma a criativa. Para o projeto, foram desenvolvidos um guia sobre o bairro, junto a itens de papelaria e cartões postais. O processo criativo passou por diferentes fases guiadas por uma metodologia própria do design, partindo da pesquisa sobre a história do local, a arquitetura e as manifestações culturais até a criação de um mapa semântico com diferentes elementos do bairro, que guiaram a estratégia visual do projeto.
 
 “O conceito utiliza a forma côncava que simboliza tanto um poço, em sua forma original, como também remete aos brasões e estandartes, utilizados para
identificação de um grupo ou território. A tipografia foi inspirada nas placas dos espaços coletivos do bairro, atribuindo características humanistas”, explica Sofia.
 
“As cores definidas correspondem a quatro atributos principais da marca, são eles: cultura, natureza, história e arquitetura. Esse padrão é encontrado tanto na paisagem física do bairro quanto em suas manifestações artísticas. Já o padrão tipográfico, conta com duas fontes diferentes, uma mais simétrica, a Metropolis, expressando o estilo neoclássico da arquitetura, contrastando com as letras mais espontâneas da primeira tipografia. Finalizada a criação do design da identidade, veio a aplicação da marca em um guia sobre o bairro, junto a itens de papelaria, cartões postais e o manual da marca”, finaliza.
 
O trabalho foi superbem recebido pela banca avaliadora e pela orientadora.  
 

projetos criativos - TCC - egressa - concluinte -

voltar

Nós usamos cookies

Eles são usados para aprimorar a sua experiência. Ao fechar este banner ou continuar na página, você concorda com o uso de cookeis. Saber mais.
Aceitar