Debate marca o mês da democratização da comunicação


Jornalismo
outubro. 22, 2021

Foco na pauta: Os desertos de notícias e o jornalismo comunitário

O direito à comunicação está previsto no artigo 26 do Estatuto da Juventude. Para assegurá-lo, é fundamental que poder público e sociedade civil se comprometam com a democratização das comunicações no país, de maneira a promover a liberdade de expressão para todos e garantir a pluralidade de vozes no debate público. Além do Estatuto, outros marcos normativos incluem a comunicação no rol de direitos humanos básicos, a exemplo da Declaração Universal dos Direitos Humanos (artigo 19), da Constituição Federal (artigos 5, 21, 221, 222 e 223) e do Estatuto da Criança e do Adolescente (artigos 16 e 124). Em outubro é celebrado o mês da democratização da comunicação, e , por isso, a graduação de jornalismo da UNIAESO promove uma edição especial do Foco na Pauta. Dessa vez, a ideia é falar sobre os desertos de notícias e o jornalismo comunitário.

O objetivo é debater a profissão como um campo importante para a conquista de direitos e para a própria democracia. Mariama Correia vai abordar os desertos de notícias, regiões com incipiente ou nenhuma produção noticiosa local. Martihene Oliveira vai falar da relevância da produção jornalística local, a partir da experiência do Coletivo Sargento Perifa. Jeniffer Oliveira, estudante da graduação na UNIAESO, faz a mediação do debate. O evento é aberto ao público, alunos precisam fazer inscrição através do sympla.

 

Conheça Mariama Correia

É jornalista e trabalh,a atualmente, como editora e repórter da Agência Pública. Foi repórter do coletivo de jornalismo investigativo e independente Marco Zero Conteúdo e da editoria de Economia do jornal Folha de Pernambuco. Participa do Atlas da Notícia, um mapeamento do jornalismo no Brasil, como pesquisadora do Nordeste

Conheça Martihene Oliveira

É formada em jornalismo, ativista, idealizadora e cofundadora do Coletivo de Mídia Independente Sargento Perifa, produtora e roteirista do documentário AS VOZES DE JOANA, autora do livro URUBU MARROM – Relatos de uma jornalista da favela. Atualmente, é uma dos cinco bolsistas negros do Brasil selecionados pelo programa The Intercept Brasil Educa através da proposta de pauta “Quantas vidas cada negro perdeu na vida?”

Conheça Jeniffer Oliveira

Formanda no curso de jornalismo da UNIAESO, atua há quase dois anos com produção de TV e tem como tema central do seu trabalho de conclusão de curso, a democratização da comunicação.

 

Serviço

Data: 27/10/21

Horário: 19h

Local: canal da UNIAESO no Youtube 

Jornalismo - uniaeso - foconapauta -

voltar

Nós usamos cookies

Eles são usados para aprimorar a sua experiência. Ao fechar este banner ou continuar na página, você concorda com o uso de cookeis. Saber mais.
Aceitar